Teresina registra quatro homicídios em sete horas nas Zonas Norte e Sul

Um ex-presidiário identificado apenas como Mário Gustavo foi assassinado a tiros na noite de quarta-feira (19) no Residencial Torquato Neto III, na Zona Sul de Teresina. Ele é suspeito de integrar uma facção criminosa.

O subtenente Marcos, do 17º Batalhão da Polícia Militar, informou que o crime ocorreu por volta das 22h quando a vítima estava andando em uma rua.

“Ele estava passando em uma rua na quadra Y, quando dois homens passaram pelo local e fizeram 5 disparos de arma de fogo. Ele morreu ainda no local”, explicou o subtenente.

A perícia criminal foi acionada e uma equipe do Instituto de Medicina Legal (IML) fez a remoção do corpo do local.

“A informação que temos é que esse rapaz é um ex-presidiário e suspeito de integrar uma facção criminosa. Infelizmente tem ocorrido manifestações de facções criminosas e a população tem ficado receosa”, afirmou o subtenente.

O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) vai ficar responsável pela investigação.

Duas mortes na Zona Norte

Um adolescente de 17 anos, identificado como Luckas Gabriel Pereira Lima, foi assassinado nesta quinta-feira (20), no bairro Risoleta Neves, Zona Norte de Teresina. De acordo com a Polícia Militar, o rapaz foi atingido por pelo menos quatro disparos de arma de fogo.

Segundo o tenente Santiago do 9º Batalhão da PM, os autores do crime invadiram a residência da vítima por volta das 1h da madrugada, Luckas Gabriel tentou se esconder, mas foi baleado.

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A outra vítima foi Kelson Jonhy, assassinado com um tiro no Residencial Dilma Rousseff, na Zona Norte de Teresina, por volta das 20h de quarta-feira (19).

“As informações colhidas no local foram que ele estava passando por uma rua, quando quatro homens em um veículo prata fizeram os disparos”, informou o sargento Manoel, do 13º Batalhão da Polícia Militar.

Não há informações se a vítima tem passagem pela polícia. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa vai investigar o crime.

Filho de policial assassinado

Filho de policial militar é assassinado no Mocambinho em Teresina — Foto: Raví Marques/TV Clube

Teresina registrou mais um homicídio, o do jovem identificado como Eupídio Barbosa, mais conhecido como Piau, que foi assassinado a tiros na noite de quarta-feira (19) no bairro Mocambinho, na Zona Norte de Teresina. Ele era filho de um policial militar lotado no 5º Batalhão da PM.

Segundo a Polícia Militar o crime ocorreu por volta das 19h, na Rua Maria Amélia Mendes. Eupídio estava passando pela rua, quando dois homens em uma moto realizaram os disparos de arma de fogo. Ele morreu ainda no local.

A Polícia Militar informou que o crime tem características de execução, mas que não havia informações se a vítima tinha passagem pela polícia. Os acusados ainda não foram identificados.