Novo ensino médio será implantado para 40 mil estudantes no Piauí em 2022

O novo ensino médio começa a ser implementado no Piauí no dia 7 de fevereiro de 2022. A partir de agora, os estudantes terão na grade curricular os itinerários formativos, que deverão auxiliá-los na escolha da profissão.

No Piauí, o ensino médio será implementado de forma gradativa, sendo os estudantes do primeiro ano do ensino médio, entre 30 e 40 mil, os primeiros atingidos pelo novo modelo. Em 2023, será a vez dos alunos do 2º ano e em 2024 do terceiro. O novo ensino médio passa a ser obrigatório em 2025 em todo o país.

“Essa será a primeira vez que o estudante estará como protagonista no seu processo de ensino. Algo que estávamos lutando há tanto tempo”, destacou Maria José, diretora da Unidade de Ensino e Aprendizagem da Secretaria Estadual de Educação do Piauí (Seduc-PI).

Entre as mudanças que estão previstas nas diretrizes do novo ensino médio estão aumento da carga horária, nova organização curricular e divisão do ensino médio em duas partes: Formação Geral Básica (FGB) e Itinerários Formativos.

A partir de agora, a carga horária dos estudantes será de mil horas e a hora aula passa de 50 para 60 minutos.

“Nós vamos ter 492 escolas que serão tocadas pelo novo ensino médio. Todo ensino médio, tanto EJA, regular presencial e em tempo integral e profissional já iniciaram o ano letivo com a nova modalidade”, frisou Maria José.

Foto: Nataniel Lima / Cidadeverde.com 

FGB e Itinerários Formativos 

Nessa nova modalidade, a Formação Geral Básica será comum para todos os estudantes e dividida em quatro áreas de conhecimento: Matemática e suas tecnologias, Linguagens e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Ciências Humanas e Sociais Aplicadas.

No que diz respeito ao Itinerários Formativos serão ofertados um conjunto de disciplinas, projetos, oficinas e núcleo de estudos que poderá ser escolhido pelo aluno no decorrer dos anos.

Clique aqui para conferir a lista de Itinerário Formativo.

“A secretária de Educação, com o seu corpo técnico, construiu um cardápio com 8 itinerários, composto ali por eletivas”, acrescentou a diretora da Unidade de Ensino e Aprendizagem da Sesapi-PI.