Vereador de 31 anos morre após infarto fulminante no Piauí

O vereador Jackson Muniz, de 31 anos, morreu após sofrer um infarto fulminante na madrugada desta sexta-feira (20) no município de Bertolínia, a 397 km de Teresina. Ele deixa uma esposa grávida de 8 meses, do primeiro filho do casal.

Jackson Muniz era vereador pelo Republicanos e estava no seu segundo mandato. Atualmente ele era Secretário Municipal de Esportes de Bertolínia.

O prefeito de Bertolínia, Geraldo Fonseca, mais conhecido como Geraldim (Republicanos), afirmou ao Cidadeverde.com que passou a tarde de quinta-feira (19) com Jackson Muniz e que ele passou mal na madrugada desta sexta-feira (20).

“Ontem passamos o dia na comunidade Placa, em um festejo. Ele tem 31 anos e estava muito bem de Saúde. A gente se viu até 19h da noite, e ele foi para casa. Quando foi umas 5h da manhã, a esposa dele me ligou dizendo que ele estava passando mal”, explicou o prefeito.

Jackson Muniz chegou a ser socorrido por uma ambulância e foi encaminhado para o Hospital Municipal Rita Martins, mas ele já deu entrada sem vida.

O prefeito afirmou que essa é uma grande perda pelo município. “Com certeza é uma perda muito grande, um amigo da gente, uma pessoa de confiança, por isso que era nosso secretário de Esportes e estava no seu segundo mandado como vereador”, afirmou.

O enterro será realizado no cemitério do município no sábado (21). 

A Prefeitura de Bertolínia anunciou o cancelamento de todos os eventos alusivos ao aniversário de 133 anos de emancipação política, programados para acontecer nos dias 21 e 22 de janeiro, em respeito a morte do vereador.