Deficiente mental e física é submetida a cirurgia após ser estuprada em São José do PI

Na tarde desta quarta-feira (06) o Grupamento de Polícia Militar de São José do Piauí tomou conhecimento sobre um caso de estupro que teve como vítima uma mulher com deficiência mental e física, de 40 anos. O crime ocorreu na madrugada de domingo para segunda (04) e foi denunciado pelo pai da vítima.

O comandante do GPM de São José do PI, cabo Francenilton, informou que após a denúncia do caso, diligências foram realizadas e o suspeito foi localizado.

“Ao tomar conhecimento do caso, fomos realizar as diligências para descobrir o autor do fato. Nesta ação, foi localizado o suspeito de L de S.B., onde o mesmo reside na zona rural do município. Acompanhei o pai da vítima até a Central de Flagrantes de Picos no qual foi registrado Boletim de Ocorrência, comunicado a delegada da região que está adotando todas as medidas cabíveis para o caso”, disse o comandante.

A mulher chegou a reconhecer por meio de foto o autor do crime, indicando para a família sua identidade. A vítima foi socorrida por uma vizinha que acionou a família.

Devido à gravidade do ocorrido, a mesma foi levada para o Hospital Regional Justino Luz, em Picos, onde passou por procedimento cirúrgico.

Diante dos fatos, a Delegacia de Polícia Civil abriu inquérito policial e investiga o crime de estupro de vulnerável.